sábado, 25 de abril de 2009

Caiu na Rede é Gente!

Caiu na Rede é Gente!

Essa história não tem um lado.
Essa história não tem um vencedor.
Essa história não é uma ficção.


No Estado do Rio Grande do Sul ocorre um tipo de morte que não existe em nenhum outro local do mundo.

Há mais de vinte anos, pessoas - em sua maioria praticante de surf e outros esportes aquáticos - morrem nas redes dos pescadores.

Estes pescadores, muitas vezes, utilizam-se da pesca de subsistência para sobreviver e manter suas famílias e têm uma cultura a ser preservada. Todavia, o surf, através de sua indústria, movimenta 2,5 milhões de reais ao ano no Brasil e no Rio Grande do Sul é um importante pilar do turismo no litoral.

Este documentário será baseado nesta polêmica que envolve a morte de surfistas gaúchos em redes de pesca no litoral do Rio Grande do Sul, objetivando mostrar a realidade dos surfistas, dos pescadores que dependem da pesca para sua sobrevivência, dos pescadores esportivos, dos órgãos afins e da comunidade de familiares e amigos de surfistas mortos desta forma lamentável.

É de urgência que sejam tomadas providências para resguardar os surfistas dos perigos destas redes de pesca. Importante ressaltar que não se quer ir contra a pesca, muito pelo contrário, pois muitos surfistas são também pescadores, filhos de pescadores e admiradores da pesca, que é uma atividade divina e primordial, e que também tem seu papel econômico no litoral.

O que se clama é o abandono deste tipo de material antiquado e inadequado, totalmente fora dos padrões de segurança, inadequado aos dias atuais.
As redes, a deriva, esticadas da praia para o mar, com pequenas bóias dentro da água, quase imperceptíveis, são verdadeiras armadilhas lançadas ao azar de quem com elas se encontrar.

Desta forma, esse documentário irá proporcionar ao público uma reflexão consistente através da exposição e abordagem imparcial de fatos verídicos, entrevistas e depoimentos de pessoas conhecedoras do assunto.

Com isto, deixará sua contribuição na luta pelo exercício seguro do surf, esclarecendo ao público a gravidade deste problema, mostrando as dificuldades encontradas para a efetivação de uma solução adequada e justa para todas as partes.

Apoie esta idéia:
Gaba FilmsTelefone: (51) 3042 7125
Rua Adolfo Inácio Barcelos, 500 sala 240 – Centro – Gravataí
CEP: 94 010-200RS – Brasil


Veja o trailer do documentário "Caiu na Rede é Gente" produzido pela Gaba Films :
video

Acompanhe a reportagem da TV Bandeirantes:
video

http://gabafilms.com/caiunaredeegente/sobre.html

Um comentário:

  1. 2,5 milhões de reais...isso só a mormaii movimenta por mes...não seria 2,5 bilhões????

    ResponderExcluir